top of page
  • Clínica Sette

Saiba Como Funciona a Integração Sensorial


integracao social clinica sette kids

A terapia de integração sensorial é um método projetado inicialmente para tratar crianças com problemas em processar informação sensorial e distúrbio de aprendizagem e também pode ser aplicado em qualquer indivíduo com disfunção neurológica. Sistemas sensoriais comumente reconhecidos são a visão, audição, tato, paladar, olfato e equilíbrio. Em suma, os sentidos são transdutores do mundo físico para o reino da mente, onde interpretamos a informação, criando nossa percepção do mundo que nos rodeia.


A integração sensorial é um tipo de terapia ocupacional muito utilizada, principalmente, para criar estímulos apropriados em crianças com autismo. No entanto, o método pode ser aplicado a outros tipos de pacientes como portadores de Síndrome de Down, déficit de atenção ou outras disfunções neurológicas.


Integração Sensorial Para Crianças Com Autismo


O TEA (Transtorno do Espectro Autista) ou Autismo, de acordo com especialistas, é caracterizado por déficits de interação social e de comunicação, bem como por interesses em atividades e movimentos repetitivos. As alterações sensoriais são uma característica muito frequente que geralmente não é percebida devido às dificuldades de comunicação desses pacientes. 


A integração sensorial por meio da terapia ocupacional é indicada trabalhar essa condição. Bons profissionais são capazes de analisar corretamente o nível apresentado pela criança e assim definir o tratamento que terá melhor resposta.O objetivo global da terapia ocupacional é ajudar a pessoa com autismo a melhorar a qualidade de vida em casa e na escola.  


As habilidades que a terapia ocupacional pode promover são:


  • Habilidades da vida diária, tais como o treinamento do toalete, vestir-se, escovar os dentes, pentear cabelos, calçar sapatos, e outras habilidades de preparação;

  • Habilidades motoras finas necessárias para a realização de caligrafia ou cortar com uma tesoura;

  • Habilidades motoras utilizadas para andar de bicicleta;

  • O sentar adequado, percepção de competências, tais como dizer as diferenças entre cores, formas e tamanhos;

  • Consciência corporal e sua relação com os outros;

  •  Habilidades visuais para leitura e escrita;

  • Brincar funcional, resolução de problemas e habilidades sociais;

  • Integração dos sentidos, realizado através da abordagem de integração sensorial com objetivo de diminuição de estereotipias;

Ao trabalhar sobre essas habilidades durante a terapia ocupacional, uma criança com autismo pode ser capaz de:


  • Desenvolver relacionamentos com seus pares e adultos;

  • Aprender a se concentrar em tarefas;

  • Expressar sentimentos em formas mais adequadas;

  • Envolver-se em jogo com os pares;

  • Aprender a se auto-regular;

  • Realizar atividades mais refinadas como: escovar dentes, lar laço, vestir-se etc.

  • Independência;

  • Aprendizagem;

  • Autoconfiança;


A integração sensorial busca ajudar a criança a desenvolver habilidades para organizar, interpretar sensações e responder de maneira adequada através do corpo e do ambiente, de modo a auxiliar nas tarefas do dia a dia.


 Por esse motivo, a Clínica Sette Kids, dispõe dos melhores terapeutas ocupacionais, aptos a trabalhar e desenvolver um trabalho completo, visando possibilitar às crianças uma vida menos estressante e mais natural.


Para maiores informações e para conhecer mais sobre outros tratamentos da Clínica Sette Kids, entre em contato conosco.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


whatsapp-icon-sette-kids
bottom of page